4 formas de texturizar o cabelo na transição capilar

4 formas de texturizar o cabelo na transição capilar.

A transição capilar é um momento único de redescoberta na vida de quem deseja abandonar a química e assumir novamente o cabelo natural. E embora seja uma fase de aceitação verdadeira do “eu” que resulta em melhor autoestima e confiança em si mesma, não é um período tão fácil assim – requer muita paciência e determinação. Isso porque os fios passam a ter duas texturas: a alisada com química e a natural que está crescendo.

Para fugir dessa imagem que pouco agrada, muitas mulheres investem na texturização capilar. Ela ajuda a dar forma aos cachos sem precisar de química ou ferramentas de calor.

Quer saber quais os melhores tipos? Fique de olho aqui.

1 – Fitagem

Certamente essa técnica é uma das mais populares e simples de fazer. A única coisa que você vai precisar é de um bom creme para pentear e os dedos. Com os cabelos ainda úmidos e desembaraçados, divida-os em mechas. Aplique então o creme em cada uma delas e comece a penteá-las com os dedos. Perceba que elas irão formar “fitas”. Em seguida, amasse bem os fios apertando-os com as mãos contra a raiz. Repita o procedimento em todas as mechas e deixe secar naturalmente. 

2 – Twist

Essa é outra técnica muito comum no universo de quem está passando pela transição. A texturização com twist parece bastante com uma trança, só que ao invés de trançar três mechas, ela é feita apenas com duas mechinhas. Basta separar o cabelo já limpo, úmido e desembaraçado em mechas mais grossas. Depois, pegue uma delas e aplique um pouco de creme para pentear. Divida-a em duas partes e enrole uma na outra, fazendo sempre pequenos torcidinhos. Prenda as pontas com um elástico e espere secar. 

3 – Dedoliss (ou dedinho)

O dedoliss é o tipo de texturização que existe desde que o mundo é mundo. E se antes ele não tinha um nome definido, hoje em dia é conhecido como “dedinho” também. Para fazer é bem simples! Com os fios limpos e desembaraçados, divida-os em mechas e aplique um creme para pentear. Depois, enrole as mechas usando os próprios dedos. Dependendo do comprimento do seu cabelo, pode ser que demore mais.

4 – Papel-alumínio

Parece estranho, mas acredite, a texturização com papel-alumínio funciona, sim. Basta cortar o papel em pedaços e enrolar para ficar como uma minhoquinha. Aqui você pode deixar ele mais grosso ou mais fino para ficar mais parecido com o seu cabelo natural. 

E aí, gostou dos 4 tipos de texturização para cabelo? Já experimentou alguma dessas técnicas? Vale a pena colocar em prática! Ah, é importante dizer que qualquer um desses procedimentos pode ser feitos tanto por quem está passando pela transição, quanto por quem já passou, ok?!

O resultado é sempre com muita definição.

Fonte: msn.com

Sample Block Quote

Nam tempus turpis at metus scelerisque placerat nulla deumantos sollicitudin delos felis. Pellentesque diam dolor an elementum et lobortis at mollis ut risus. Curabitur semper sagittis mino de condimentum.

Sample Paragraph Text

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Morbi ut blandit risus. Donec mollis nec tellus et rutrum. Orci varius natoque de penatibus et magnis dis parturient montes, nascetur ridiculus mus. Ut consequat quam a purus faucibus scelerisque. Mauris ac dui ante. Pellentesque congue porttitor tempus. Donec sodales dapibus urna sed dictum.
You have successfully subscribed!